Chiffon, uma descoberta

Eu tenho uma certeza na cozinha: a de que, quando estamos num dia meio pra baixo, a única coisa que pode levantar seu astral é comer um bolo. Um bom bolo!
E eu estou sempre fazendo de todos os tipos. Tenho meus preferidos, os que me levam direto pra um lanche da tarde da infância preparado pela minha vó. Mas adoro buscar novas receitas (aliás, já viram meu post sobre O LIVRO definitivo de bolos, né?).
Meu mais recente queridinho é o bolo chiffon que descobri há pouco tempo no curso de cozinha. E a pergunta que fiz: como é que vivi tanto tempo sem esse bolo, minha gente?! Pois, pra tirar o atraso, estou sempre fazendo.
O que torna esse bolo especial é o ar, ele é extremamente aerado. Por isso fica leve, fofo e alto. O segredo? Bater as claras em neve separadamente de toda a mistura, e só aí incorporá-la ao preparo, gentilmente, numa dança de espátulas! Ah, outro segredo: a fôrma tem que ser a de chiffon, que é bem alta. Não tente fazer em uma forma menor, porque vai cair massa pra fora e você vai ter um trabalhão pra limpar!
Tá tudo anotadinho aí embaixo! Buen provecho!
Bolo chiffon de laranja
Ingredientes
225g de farinha
340g de açúcar
1 colher (sopa) de fermento
120 ml de óleo de girassol ou soja
6 ovos (gemas e claras separadas)
60ml de leite integral
120 ml de suco de laranja
Raspas de laranja
Meia colher de chá de essência de baunilha
Modo de preparo
  1. Preaqueça o forno a 160 graus. Enquanto aquece, prepare a massa do bolo.
  2. Peneire em um recipiente a farinha, o açúcar e o fermento. Reserve.
  3. Misture óleo, suco de laranja, leite, gemas, raspas e essência até incorporar bem. Aos poucos junte a esse líquido a mistura de farinha, açúcar e fermento. Incorpore até ficar homogêneo. Reserve.
  4. Bata às claras em neve na batedeira e adicione aos poucos, delicadamente, mexendo com uma espátula de baixo para cima em movimentos circulares. Isso é importante para não eliminar as bolhas de ar das claras. Elas vão garantir o bolo fofinho.
  5. Despeje a mistura numa forma próprio para bolo chiffon.
  6. Leve para assar por uma hora em forma não untada, até que esteja firme e dourado.
  7. Ao retirar o bolo do forno, deixe-o sobre uma grade esfriando por meia hora. Depois desse tempo, descole as laterais do bolo e deixe-o de cabeça pra baixo sobre o recipiente onde irá servir. Leva algumas horas até que ele desenforme. Por isso, faça a noite para servir de manhã!
  8. Peneire açúcar de confeiteiro sobre o bolo pronto e sirva.
Anúncios

Bolo de cenoura da Joyce Galvão

Os bolos da Joyce Galvão não são só bonitos, são muito saborosos. Com as explicações do livro dela “A Química dos Bolos” fica ainda mais fácil de fazer o bolo ficar lindo de viver.

Atendendo a pedidos (depois de postar uma foto deste bolo ma-ra-vi-lho-so), publico agora a receita. Atenção! Nada de adaptar ingredientes, tamanho de formas etc. Já falamos (e aprendemos com a Joyce) que fazer bolos bons não é muito lá uma arte, e, sim, química! Aproveite!

Bolo de cenoura com cobertura crocante de chocolate

Rendimento: um bolo de 1,4kg

Fôrma: retangular de 30cm x 25cm

Para a massa

3 unidades de cenoura (cerca de 370g)

4 ovos médios

1 1\2 xícara chá de óleo de milho (360 ml)

2 xícaras de chá de açúcar refinado (360g)

3 1\4 xícaras de chá de farinha de trigo (390g) e mais um pouco para untar a assadeira

1 colher de sopa + 1 colher de chá de fermento químico em pó (18g)

1\2 colher de chá de sal

manteiga para untar

Modo de preparo:

  1. Preaqueça o forno a 180oC. Unte a fôrma com a manteiga e a farinha.
  2. Peneire a farinha, o sal e o fermento em uma tigela. Misture e reserve.
  3. Lave, descasque e corte as cenouras em rodelas finas, desprezando as pontas. Reserve.
  4. Quebre os ovos um a um em outro recipiente e transfira-os para o copo do liquidificador.
  5. Acrescente as cenouras cortadas, o óleo e o açúcar e bata por cerca de 2 a 3 minutos até formar uma mistura homogênea (nota da Verena: coloque tudo aos poucos para não travar seu liquidificador!).
  6. Ainda no liquidificador, junte metade dos ingredientes secos e bata rapidamente até incorporar. Desligue, acrescente o restante da mistura e bata novamente. Caso o seu liquidificador não comporte, junte o líquido aos secos em uma tigela e misture com o fouet até que a massa fique homogênea e lisa. (nota da Verena: é muita massa, gente! Vale a pena misturar na mão porque haja liquidificador pra tanto conteúdo).
  7. Transfira a massa para a fôrma preparada e leve ao forno por cerca de 25 a 30 minutos.
  8. Para saber se o bolo está pronto, espete um palito no centro da massa. Se sair limpo, o bolo pode ser retirado do forno. Caso contrário deixe mais alguns minutinhos até que asse completamente. Enquanto isso, prepare a cobertura.

Para a cobertura

1 xícara de chá de chocolate em pó (100g)  nota da Verena: tente não usar nescau! 

1 1\3 xícara de chá de açúcar refinado (240g)

1 colher de sopa de manteiga sem sal

1\2 xícara de chá de água (120ml)

Modo de preparo:

  1. Faltando de 5 a 10 minutos para o bolo ficar pronto, junte todos os ingredientes em uma panela média e leve ao fogo médio-alto, mexendo sempre com uma espátula.
  2. Quando a mistura ferver, deixe cozinhar por aproximadamente 5 a 8 minutos sem parar de mexer. Assim que calda começar a desgrudar do fundo da panela, é sinal de que está pronta.

Para finalizar

  1. Corte o bolo ainda quente na fôrma em até 15 porções. Eu gosto de regar o bolo já fatiado, mas ainda dentro do tabuleiro. Dessa maneira, a calda escorre pelos cortes, umedecendo bem cada pedaço de bolo e aumentando a tentação na hora de comer! Caso prefira servir o bolo inteiro, faça alguns furinhos na massa com um palito ou garfo e só então despeje a calda quente.
image1
Bolo da Joyce
Processed with VSCO with f2 preset
Meu bolo (com cobertura de brigadeiro)

Ps.: Ontem, quando fiz o bolo, quis fazer com cobertura de brigadeiro mole. Mas eu já fiz com a cobertura crocante da Joyce e vale demais! Fica um croc croc delicioso!